Seu browser não suporta JavaScript!

Portal Portal Padrão Barra de Identidade Visual do Governo Federal na Internet - APLICAÇÃO do Governo Brasileiro
Página Inicial » Notícias » asdDocente do IFPR é selecionada para o programa “Finnish Train the Trainers”, na Finlândia

Docente do IFPR é selecionada para o programa “Finnish Train the Trainers”, na Finlândia

quarta-feira, 31 de maio de 2017 - 2:10 PM

A professora Maristella Gabardo, que leciona Língua Espanhola no IFPR/Campus Curitiba, foi indicada pela University of Applied Sciences (Tamk) e selecionada pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC) para participar da 1ª Fase do Programa “FiTT – Finnish Train the Trainers”, cuja previsão de início é em agosto deste ano, na Finlândia.

A docente foi aprovada em 1º lugar para participar de uma nova etapa do ProgramaProfessores para o Futuro, do qual já havia participado no ano de 2014.

O Programa FiTT consistirá em formar multiplicadores para a disseminação dos conhecimentos adquiridos para a Rede Federal e outras redes públicas de ensino, a partir de experiências internacionais exitosas em Educação Profissional e Tecnológica (EPT) apoiadas pela SETEC/MEC, aliado às necessidades brasileiras por melhoria na atuação de professores e demais profissionais da EPT em ensino profissional, gestão, empreendedorismo e pesquisa aplicada.

O FiTT será executado em três Fases:
Fase 1 – Agosto e Setembro de 2017. TAMK e HAMK treinarão 20 professores por 1 mês e transferirão suas metodologias e ferramentas educacionais, de modo a capacitá-los tanto para a formação de novos multiplicadores, quanto para a disseminação dos conhecimentos adquiridos;
Fase 2 – De Setembro de 2017 a Setembro de 2018. Cada professor treinado na Fase 1 deverá se comprometer a capacitar pelo menos 25 professores da Rede Federal em curso semipresencial para a formação de novos multiplicadores, envolvendo principalmente os professores que participaram de experiências internacionais apoias pela SETEC/MEC na Finlândia, Canadá e Reino Unido.
Este grupo de multiplicadores deverá construir um modelo para a Educação Profissional e Tecnológica (EPT) brasileira, observando as reais necessidades brasileiras e as boas práticas internacionais em EPT, e elaborar cursos nas modalidades semipresencial e EaD;
Fase 3 – A partir de Março de 2018. Pelo menos 500 multiplicadores ofertarão cursos para profissionais da educação da Rede Federal e demais redes públicas a partir do modelo para a EPT construído na Fase 2.

Por que a Finlândia?
Na Finlândia, o ensino superior tem papel significativo na sociedade e no sistema nacional de inovação. O país conta ainda com um modelo de educação técnica que absorve cerca de 80% dos estudantes. No ensino médio, mais de 40% dos alunos optam pela modalidade integrada à educação profissional.
Os diplomas, tanto do ensino médio regular quanto do integrado à educação profissional, dão acesso a instituições de ensino superior. A formação dos professores baseia-se em pesquisa, com exigência de dissertação de mestrado. Além disso, há cursos sobre prática didática e pelo menos um ano de estágio docente em escola municipal ou de aplicação. (Fonte).

O IFPR/CAMPUS CURITIBA parabeniza a professora Maristella e deseja o melhor aproveitamento possível dessa excelente oportunidade!



Galeria de Imagens

« « NUTEAD promove palestra no Campus Curitiba   Publicada sentença sobre processo eleitoral do IFPR » »

 

IFPR - Câmpus Curitiba - Rua João Negrão, 1285. Rebouças - CEP 80230-150 - Curitiba - Paraná - Brasil.